--- Frase de Agora! ---
"A água é para os escolhidos
Mas como podemos esperar que sejamos nós..
... eu e você?"

Máquina do Tempo: Vaga Viva do Coletivo Ideia Nossa. A única vaga viva do lado de cá da ponte =) Vaga Viva do Ideia Nossa

Destaque da Semana: Onde está o sol que estava aqui?
Ladrões de sol, crise hídrica e êxodo rural

segunda-feira, 17 de junho de 2013

Os 20 Centavos que Fizeram o Povo Acordar!

Por Felipe Cruz

Desde cedo o paulistano aprende a ser guerreiro. Começa tomando ônibus com a mãe, enquanto criança, a espera dum lugar pra sentar, pela falta de cidadania de alguns. Ali já é possível vislumbrar o que o futuro o aguarda. Dessa maneira, cria-se o sonho do carro próprio e tão logo se vê preso no caótico congestionamento que a cidade tem todos os dias. 

Carrocracia
 Portanto, merecia honras, medalhas e uma boa gratificação por todos os dias passar em média 4h pra se deslocar de casa ao trabalho e do trabalho pra casa. (Fonte: infomoney.com.br). Sem contar mais as 8h que passa trabalhando (para ganhar quantias, por vezes irrisórias, que provém seu sustento).

E não esquecemos dos estudantes que após essas 12h ainda enfrenta mais um turno de 4,5 ou 6h em suas escolas, cursos ou faculdades. 

O capitalismo exacerbado deixou as pessoas à “flor da pele”, os nervos estão sempre exaltados, pesquisas apontam que os jovens de hoje tendem a morrer, em sua grande maioria, por enfarto, tanto pela alimentação, quanto pelo estresse do dia-a-dia. E o tempo gasto se locomovendo pela cidade pode ser considerado preponderante.
Você acha mesmo que são só 20 centavos?
A briga não é por causa dos 20 centavos, como muitos vomitam por aí. Esse foi o estopim. 

O paulistano acordou e foi para as ruas por um transporte de qualidade. Visando a melhora da qualidade de vida.

Cobrar o descaso com as linhas de ônibus que não tiveram nenhuma melhora em anos. 

Saber o que se faz com os mais de 700 milhões (Fonte: vejasp.abril.com.br) arrecadados e destinados às empresas que gerenciam os ônibus das linhas “públicas”. (Sem falar na linha 4-amarela do metrô que tem a política pública e privada - PPP).

Entender a relação dos impostos que são pagos pro mesmo lugar de onde saem a verba. Ou seja, o dinheiro circula no mesmo lugar e nada acontece. 

A cidade é nossa!
Compreender o motivo pelo qual a prefeitura ora “tira o dela da reta”, culpando o Estado (que vê os manifestantes como baderneiros e acusa de anarquia seus atos, sem ao menos saber que o real conceito de anarquia está longe de ser a desordem), ora se diz complacente com a população e que vai buscar respaldo com a presidentE Dilma.

Divulgar o que a mídia não mostra. Mostrar o outro lado da moeda. Pra que todos vejam que a Ditadura continua e ela Errou!

A verdade é que o paulistano cansou de se calar e está sendo reprimido por isso.

Tem medo de estar sendo massa de manobra como os seres de inteligência obtusa dizem?

Investigue, leia, entenda, pergunte, esclareça, divulgue e VENHA À LUTA! 

SÃO PAULO DEPENDE DE VOCÊ!

"Flores e sonhos são nossas únicas armas!"

3 comentários:

Álvaro Diogo disse...

Não é só por 20 centavos!

Beatriz Luiza Previdi disse...

Gosto da insônia dos acordados, mas me preocupa para onde vão os sonâmbulos.

Felipe Pox disse...

É importante que se tenha também os sonâmbulos. Enquanto as coisas vão acontecendo sem que eles possam se guiar sozinhos, em algum instante eles podem acordar e fazer a diferença.Pelo menos eu quero acreditar que vai caminhando debilmente nas ruas, sem saber ao certo o que se passa, já está de uma maneira ou de outra se politizando.

"A ditadura continua
E não importa qual sua crença
O Estado só obedece
O que a maioria pensa"

Em algum momento devemos ser obedecidos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...