--- Frase de Agora! ---
"A água é para os escolhidos
Mas como podemos esperar que sejamos nós..
... eu e você?"

Máquina do Tempo: Vaga Viva do Coletivo Ideia Nossa. A única vaga viva do lado de cá da ponte =) Vaga Viva do Ideia Nossa

Destaque da Semana: Onde está o sol que estava aqui?
Ladrões de sol, crise hídrica e êxodo rural

terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Pra fechar bem o ano!

1 da manhã - Estava eu fazendo um dos 500 trabalhos de artes que tenho pendentes, quando vem aquele barulhinho irritante de uma janelinha subindo:
- Você recebeu uma nova mensagem de e-mail

Quem manda e-mail a essa hora? >_>
- Greenpeace
[Coincidentemente, tocava '¿Dónde jugarán los niños?' - Maná]

Fiquei tão feliz com a notícia que eu resolvi postar aqui.
Eis a mensagem:

Olá.
O ano de 2008 chega ao fim com uma boa notícia: conseguimos evitar que o Projeto de Lei 6424, o "Floresta Zero", fosse aprovado na Comissão de Meio Ambiente da Câmara dos Deputados!
Muito obrigada pela sua participação na campanha Meia Amazônia Não. Seu apoio foi fundamental para essa conquista, mas a luta para manter nossa floresta inteira ainda não terminou.
No próximo ano continuaremos trabalhando para que o PL 6424 seja rejeitado de vez e deixe de assombrar nossas florestas. Para isso, vamos precisar de sua ajuda mais uma vez.

Meia Amazônia Não
Queremos ter você ao nosso lado em 2009, para juntos construirmos um futuro mais verde, pacífico e justo.

Obrigada mais vez.
Joanna Guinle

Sobre o projeto Floresta Zero:

Passou no Senado e tramita agora na Câmara dos Deputados um projeto de lei que, se aprovado, será um golpe mortal para as florestas brasileiras e, em especial, a floresta amazônica.
Originalmente de autoria do senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA), e modificado pela comissão de agricultura do congresso, o PL 6424/2005, autoriza a derrubada de até 50% da vegetação nativa em propriedades privadas na Amazônia. De quebra, legaliza praticamente todos os desmatamentos que, nos últimos 40 anos, derrubaram cerca de 700 mil quilômetros quadrados da área original de floresta - o equivalente a quase três estados de São Paulo. O projeto também desobriga os responsáveis pelos desmatamentos de recuperarem o que derrubaram, permitindo um desmatamento realizado no Pará, por exemplo, seja compensado com o plantio de árvores no Rio de Janeiro. Em resumo, o projeto condena vastas regiões do Brasil a serem livres de floresta, o que levou a ficar conhecido como "Projeto Floresta Zero".

Com base nas taxas anuais de destruição de floresta, estima-se que, em duas décadas, 31% dela estarão derrubados, outros 24% degradados e a Amazônia prevista para virar uma savana até o final desse século. O Floresta Zero é um sinal verde para as motoserras e correntões acelerarem esse processo. Ao invés de aumentar a proteção do meio ambiente e estabelecer metas para a redução do desmatamento, o Congresso Nacional estará dando as costas para a Amazônia e abrindo as portas para mais destruição, agravando uma situação que já coloca o Brasil na incômoda posição de quarto maior poluidor do clima do planeta.

www.meiaamazonianao.org.br

Fuçando aqui e ali, descobri que em novembro a petição on-line bateu recorde de mobilização no Brasil a favor da floresta Amazônica! Mais de 180 mil assinaturas =)
Agora, a música!

¿Dónde jugarán los niños?

Cuenta el abuelo que
de niño el jugó
Entre árboles y risas
y alcatraces de color
Recuerda un río
transparente si olores,
Donde abundaban peces,
no sufrían ni un dolor

Cuenta mí abuelo
de un cielo muy azul,
En donde voló papalotes
que él mismo construyó
El tiempo pasó y
nuestro viejo ya murió
Y hoy me pregunté
después de tanta destrucción

¿Dónde diablos jugarán
los pobres niños?
¡Ay ay ay!
¿en dónde jugarán?
Se esta quemando el mundo
Ya no hay lugar

La tierra está a punto
de partirse en dos
El cielo ya se ha roto,
ya se ha roto el llanto gris
La mar vomita rios de aceite sin cesar
Y hoy me pregunté
después de tanta destrucción

¿Dónde diablos jugarán los pobres
Niños?
¡Ay ay ay!
¿En dónde jugarán?
Se esta quemando el mundo
Ya no hay lugar

¿Dónde diablos jugarán los pobres nenes?
¡Ay, ay ay!
¿En dónde jugarán?
Se esta quemando el mundo
Ya no hay lugar
No hay lugar neste mundo

[Tradução]

Conta o avô que
quando menino ele brincou
entre árvores e risadas
e lírios coloridos
Lembra de um rio
transparente sem odores,
onde peixes abundantes,
não sofriam nem uma dor

Conta meu avô
de um céu muito azul,
onde ele empinou pipas
que ele mesmo fez
O tempo passou e
nosso velho ja morreu
E hoje me perguntei
depois de tanta destruição

Onde diabos brincarão
as pobres crianças?
Ai ai ai!
Aonde brincarão?
O mundo esta sendo queimado
Já não há lugar

A terra está a ponto
de dividir-se no meio
O céu ja esta quebrado,
já se quebrou o pranto cinza
O mar vomita rios de óleo sem cessar
E hoje me perguntei
depois de tanta destruição

Onde diabos brincarão
as pobres crianças?
Ai ai ai!
Aonde brincarão?
O mundo esta sendo queimado
Já não tem lugar

Onde diabos brincarão
os pobres bebês?
Ai ai ai!
Aonde brincarão?
O mundo esta sendo queimado
Já não há lugar
Não há lugar neste mundo

Bom... é isso! Bora continuar com a campanha! Quanto mais assinaturas, melhores as chances dos nossos filhos conhecerem um pouquinho do que sobrou da nossa floresta o/
Meia Amazônia Não!

2 comentários:

V - luaR disse...

Eu não li ainda o post, vou ler agora, mas antes que eu me esqueça queria deixar um aviso aqui a marinheira de primeira viagem... que faltou eu dar a dica quando nos falamos no msn....
tipoh, sempre que você pegar algo de outro site, (com CTRL C + V) ... copie antes num bloco de notas, antes de copiar pra ca, se não o blog tenta usar a mesma formatação do outro site e fica meio estranho, rsrs...
Mas se quiser colocar formatações, adicione-as depois de copiado do bloco de notas aqui =]

e bem vinda, agora, como autora de novos post's ^^

V - luaR disse...

ja corrigi =]

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...